Wild 2 x 6 Ducks - Review

Numa noite em que não contávamos com Selanne e Koivu, e Andy Sutton jogou de wing ao lado de Parros e Chipchura, a "Big Line" tomou conta do jogo e marcou todos os 6 gols da grande vitória do Ducks.

O jogo não podia ter começado melhor. Já no faceoff inicial o Ducks botou pressão e num belo passe de Bobby Ryan, Corey Perry abriu o placar com apenas 19 segundos de jogo. Era o gol mais rápido que Perry marcava em sua carreira, e mau sabia ele que a noite lhe reservava ainda grandes emoções.
Numa sequência de erros de Visnovsky e Bonino na defesa, o Wild empatou com gol de Brent Burns 6 minutos depois. Tinham passados apenas 30 segundos e Getzlaf já abria novamente vantagem fazendo 2 x 1.

Veio o 2º período e o Ducks continuou seu domínio na partida, e num 5 on 3 no PP Getzlaf aumentou a vantagem com um grande chute de longe. Também num PP Zidlicky descontou para o Wild.
Em outro PP do Wild Corey Perry fez um grande trabalho no PK, roubou o puck e partiu para o gol de Backstrom, e só foi parado com 2 faltas, que lhe renderam um penalty shot. Com a calma de sempre Perry soube esperar o momento certo de chutar entre as pernas do goleiro e fazer seu 2º gol no jogo e 4 x 2 pro Ducks.
O 2º período ainda reservava tempo para mais um gol do Ducks, em uma das jogadas mais inusitadas já vistas no hockey. "Big Line" estava no ataque, Mikko Koivu tinha acabado de perder seu estick e numa dividida roubou o stick das mãos de Bobby Ryan. Mesmo sem stick e reclamando com os "zebras" da falta clara que tinha sofrido, Ryan não desistiu da jogada e brigou muito nas bordas, o que manteve o puck vivo até parar no domínio de Visnovsky. Enquanto ocorria a disputa nas bordas, Antti Miettinen empurrava para perto de Ryan o stick que estava no chão e que pertencia a Koivu, e quando Visnovsky passou o puck para Lydman, Ryan pegou o stick do chão e no rebote do chute de Lydman marcou o 5º gol do Ducks.
Gol de craque, e com grau elevado de dificuldade, pois Koivu é canhoto, e Ryan sendo destro, teve que chutar com o stick invertido. Na comemoração Ryan ainda apontou seu stick para Koivu.

Veja o lance do 5º gol:



Nos segundos finais do 2º período a torcida ainda levaria um susto quando Nick Shultz acertaria seu stick no rosto de Perry em um lance que lhe rendeu 4 minutos de penalidade. Mesmo com o placar apontando uma boa vantagem para o Ducks, Perry voltaria para o 3º período com alguns pontos no rosto.
Com todo o time do Wild cansado, o 3º período parecia uma mera formalidade, e o jogo ficou morno durante quase todo o período, com o Ducks tendo controle total da partida. Faltando 4 minutos e 13 segundos para o final do jogo, em um PP bem trabalhado pelo Ducks, Corey Perry daria números finais ao jogo, marcando seu 3º gol na noite. Noite que será sempre lembrada pois este foi o 1º Hat Trick de Perry na NHL.

Depois de um treino "diferente", Coach Carlyle e os jogadores parecem ter encontrado o que faltava para o Ducks, e o time segue para road trip com ânimo elevado, e a certeza de que com bons resultados nessa viajem, assumimos a liderança da divisão.

Highlights:


Scoring Summary
1st Period
Anaheim0:19, Corey Perry 14 (Bobby Ryan)
Minnesota6:36, Brent Burns 9 (Martin Havlat, Mikko Koivu)
Anaheim7:08, Ryan Getzlaf 9 (Bobby Ryan, Corey Perry)
2nd Period
Anaheim2:51, Ryan Getzlaf 10 (power play) (Corey Perry, Lubomir Visnovsky)
Minnesota9:49, Marek Zidlicky 4 (power play) (Andrew Brunette, Mikko Koivu)
Anaheim14:19, Corey Perry 15 (penalty shot)
Anaheim17:26, Bobby Ryan 14 (Toni Lydman, Lubomir Visnovsky)
3rd Period
Anaheim15:47, Corey Perry 16 (power play) (Ryan Getzlaf, Cam Fowler)


1 comentários:

Ðĭåбø disse...

O blog tá me salvando já que não tô conseguindo acompanhar os jogos e agora ensaiando direto com a banda para tocar nesse fim de ano, valeu pela grande ajuda.Quack, Quack!

Postar um comentário